quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

Justiça Federal anula eleição do Conselho Subseccional de Codó (OAB) e presidente da OAB/MA deverá marcar nova eleição.

A Justiça Federal do Maranhão anulou a eleição  2018 da OAB ( Conselho Subseccional de Codó). O juiz José Carlos do Vale Madeira julgou inválido o resultado das eleições ocorridas em 2018.

 O principal argumento colhido na ação é  que a chapa do atual presidente, Thiago Maciel, estaria incompleta.  De acordo com a decisão, em breve, poderá ocorrer nova eleição para a OAB ( Conselho Subseccional de Codó.)

O presidente da OAB/MA, Thiago Dias, deverá nomear um advogado para ser presidente interino e conduzir os trabalhos de realização de uma nova eleição.

 Provavelmente, o presidente interino será o último presidente do Conselho Subseccional de Codó, eleito e legítimo. Confira documentos comprobatórios da sentença do magistrado!


BLOG ÍMPAR

Nenhum comentário:

Postar um comentário