quarta-feira, 22 de maio de 2019

Autogolpe de Bolsonaro fracassou


Por Alex Solnik,do Jornalista pela Democracia- Fracassou a tentativa de autogolpe de Bolsonaro. Ele só levou bordoada depois de endossar o "manifesto golpista" contra o Congresso, o STF e a imprensa.
A direita liberal caiu fora, escandalizada. A imprensa repele as intenções obscurantistas desde sábado. Nem Fiesp, nem MBL, nem o Instituto Millenium acataram a convocação para fechar o STF com um soldado e um cabo. Militares se incluíram fora dessa.
Bolsonaro recuou: ia participar, não vai mais; ia gravar um vídeo chamando, desistiu; ia conclamar o governo, mandou os ministros ficarem na moita.
Mas o mal está feito: ele colocou, ainda que depois tenha recuado, a Presidência da República em confronto com os outros dois Poderes que caracterizam o estado democrático de direito.
Nenhuma constituição autoriza um Poder a constranger outro ou outros.
Além de dar motivo para um processo de impeachment, o presidente rachou a aliança que o elegeu, rachou seu próprio partido, rachou o governo e comprou três brigas de cachorro grande: com o Congresso, com o STF e com a imprensa.
Ou seja: já era um presidente fraco e sai desse episódio mais fraco ainda.
Brasil 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário