segunda-feira, 16 de julho de 2018

PREFEITURA DE CODÓ DIMINUI FÉRIAS DE PROFESSORES E SINDICATO DA CATEGORIA EMITE NOTA DE REPÚDIO

A Prefeitura Municipal de Codó, através da Secretaria de Educação, divulgou um oficio comunicando os professores que trabalham na educação do campo que as férias serão de apenas nove dias, começando no dia 15 e finalizando no dia 24 de julho.
O documento explica que a medida foi tomada em decorrência do atraso no início do ano letivo e em cumprimento aos dias letivos do calendário escolar.
A decisão do governo municipal não agradou o Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Codó (SINTSERM), que emitiu uma Nota repudiando a medida e pedindo que os professores não acatem a ordem da prefeitura.
Confira:
NOTA SINTSERM
A direção do SINTSERM (Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Codó), vem por meio desta repudiar a atitude impositiva e arbitrária tomada pela secretaria municipal de educação contra os professores do campo, ao determinar o retorno de suas atividades no dia 24/07, desrespeitando e ferindo assim o PCCS ou estatuto do magistério em seu artigo 88, onde diz que:
O recesso escolar no mês de julho nunca será inferior a quinze dias úteis e deverá estar previsto no calendário escolar do respectivo ano letivo, portanto, companheiros (as) professores do campo devemos nos posicionar contra, não acatando à esta ilegalidade e pressão imposta pela secretaria de educação numa tentativa também de retirada de direito.
        A diretoria.
Com informações do Blog do Marco Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário