terça-feira, 10 de julho de 2018

Posicionamento de Sérgio Moro expõe sua parcialidade contra Lula…

Ao se rebelar – mesmo estando de férias – contra uma decisão superior favorável ao ex-presidente, juiz federal de Curitiba expõe seu posicionamento político e mostra que não tem condições morais e legais para continuar no caso

Sérgio Moro: exposição pessoal contra Lula
O juiz federal Sérgio Moro mordeu a isca.
O ex-presidente Lula e o PT vêm, desde o início dos processos da Lava Jato, tentando mostrar que Moro é parcial e está decidido a condenar o petista, de qualquer forma.
Desta vez, no entanto, o próprio Sérgio Moro expôs sua parcialidade.
Ao se rebelar publicamente, e documentadamente,  contra uma decisão superior que mandou soltar Lula, na tarde deste domingo, Moro agiu como se dono do preso fosse; e reagiu com motivação pessoal contra o ex-presidente.
Pior: o juiz agiu mesmo estando de férias, o que reafirma sua motivação pessoal.
Há vários outros recursos na instâncias superiores que pretendem tirar de Sérgio Moro a condição de julgador de Lula.
Essas ações alegam estar ele movido por questão pessoal e posicionado politicamente contra o PT e o ex-presidente.
E essas ações devem ser julgadas imediatamente...
Marco Aurélio

Nenhum comentário:

Postar um comentário