quinta-feira, 21 de junho de 2018

Mulher mata marido a facadas após sofrer agressão por 12 anos

Um homem foi morto a facadas pela mulher em Valparaíso (GO) na noite do último domingo (17/6) após uma briga entre o casal. Com dois golpes, uma na altura do peito e outro nas costas, Dayane Cardoso da Silva, 32 anos, esfaqueou Francisco Carlos Ferreira dos Santos, 34, que morreu momentos após ser socorrido. O casal tem dois filhos, de 12 e de 10 anos.
A Polícia Civil de Goiás (PCGO) informou que, segundo versão de Dayane, o casal começou uma discussão e no momento em que Francisco agrediu a mulher. A filha estava no local e foi tirar satisfação com o pai, que teria começado a enforcar a menina. No mesmo instante, Dayane pegou uma faca e golpeou o homem. Ao ver que o marido estava sangrando, foi pedir ajuda.

 Francisco foi levado ao Hospital do Céu Azul e Dayane estava andando pela rua quando foi abordada pela Polícia Militar e levada à 2ª Delegacia do Valparaíso, que investiga o crime em sigilo. Durante o registro do boletim de ocorrência os agentes receberam a informação de que Francisco havia falecido.
Ainda de acordo com a Polícia Civil do estado, a mulher disse que convivia com Francisco há 18 anos e que há 12 vinha sofrendo agressões físicas. Os dois são naturais do município de Codó, no Estado do Maranhão, e se conheceram quando ela tinha apenas 14 anos, e começaram a viver juntos. 
A mulher admitiu que nunca denunciou as agressões por medo de Francisco e para não deixar os filhos serem criados sem a presença do pai. Nenhum dos dois tinha passagem pela polícia. Dayane responderá por homicídio qualificado.
O Conselho Tutelar de Valparaíso ficará responsável pelas crianças. O Correio tentou entrar em contato com a instituição para saber se já foram localizados parentes dos irmãos, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.
Correio Brasiliense

Nenhum comentário:

Postar um comentário