terça-feira, 19 de junho de 2018

Conselho Municipal de Educação constata que Nagib já fez mais de 10 transferências do dinheiro dos precatórios

Os professores continuam unidos no intuito de tentar receber abono que venha dos R$ 26,5 milhões de reais dos precatórios. A Justiça determinou, dia 14 de junho, que Francisco Nagib não utilize 60% deste recurso, uma  vitória considerável diante do que vem decidindo a Justiça Brasil afora.
Em Pinheiro, por exemplo, a Justiça não concedeu este pedido liminar.
Em entrevista concedida ontem, 18, ao radialista Francisco Lemos, Antonio Celso Moreira e Marcos Antonio da Silva, do SINTSERM explicaram por que o sindicato que representam não entrou com ação na Justiça.
TRANSFERÊNCIAS
Também revelaram que o Conselho Municipal de Educação entrou num embate com a gerência do Banco do Brasil até conseguir o extrato da conta onde os R$ 26,5 milhões estão depositados.
“Nós conseguimos ter acesso à este extrato, no extrato descobrimos que o prefeito já fez mais de 10 transferências deste recurso, aproximadamente 12 transferências que correspondem à quase R$ 4 milhões…MAS PRA ONDE ESTÁ INDO ESSE DINHEIRO? é o próximo passo que o Conselho vai descobrir”, disse Antonio Celso Moreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário