segunda-feira, 21 de maio de 2018

POR QUE O PREFEITO DE CODÓ NÃO SEGUE O EXEMPLO DO PREFEITO DE TUFILÂNDIA E ITINGA DO MARANHÃO QUE REPASSOU 60% DO RECURSO DOS PRECATÓRIOS DO FUNDEF AOS PROFESSORES?

Prefeitura de Tufilândia paga precatórios do FUNDEF para professores da rede municipal


A prefeitura de Tufilândia-MA, recebeu o valor correspondente a ação de cobrança pelo  recebimento dos Precatórios do Fundef, o valor creditado foi de R$ 4.500.000(quatro milhões e quinhentos mil) que representa metade do valor total a ser recebido pelo município. Na última terça-feira 30, o legislativo municipal se reuniu em sessão extraordinária para votar o projeto que autoriza o prefeito Vildemar Ricardo (PSDB) "Vilde" a utilizar o recurso indenizatório. A votação teve o placar de 7 a 2 (a câmara é composta por 9 vereadores) a favor do projeto, sendo distribuído uma parte para pagamento de abono aos profissionais da Educação e o restante para manutenção da estrutura física das escolas. 

O recurso foi rateado entre os professores concursados e contratados da rede municipal, os valores foram disponibilizados nas contas dos servidores na quita-feira (01/02). Segundo professores que receberam, os valores individuais foram para professores com carga horária de 20 horas semanais, R$ 3.500,00(três mil e quinhentos) para professores contratados R$ 1.500,00(mil e quinhentos). O município não tem professores com jornada de 40h semanais. 


Nossa equipe conversou com pessoas ligadas a administração obtendo a informação de que quando for creditado o valor restante na conta dos precatórios da prefeitura, o prefeito fará nova divisão do recurso entre os professores.
Fonte: blog do Francisco Vale.

Nenhum comentário:

Postar um comentário