domingo, 13 de maio de 2018

Greve dos professores será definida na próxima quinta-feira

Professor Marcos Antonio da Silva
A direção do SINTSERM ( Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Codó ), esclarece aos profissionais do Magistério e a população em geral os seguintes fatos:
Visto que:
  • A educação pública municipal, vem passando por dificuldades principalmente no que tange à falta de estrutura física nas escolas, falta de material didático/pedagógico aos professores e alunos prejudicando assim o processo de ensino-aprendizagem;
  • Diversas foram as tentativas de diálogo entre a categoria e o gestor municipal para tratar da situação da educação como um todo e mais especificamente da valorização dos profissionais do magistério mediante o recurso dos precatórios do FUNDEF, havendo até o momento a recusa do prefeito em dialogar com a classe;
  • Em seus pronunciamentos à respeito dos precatórios, o secretário municipal de educação se apega o tempo todo à uma nota técnica e ou acórdão emitido pelo TCU e TCE, o que não se caracteriza em lei e sim numa recomendação;
  • Apesar das diversas ídas à câmara de vereadores, observa-se um desinteresse pela causa dos professores por parte da maioria dos parlamentares, principalmente os governistas, e o que conseguimos por lá até agora foi a realização de uma audiência pública que de nada adiantou, primeiro pela ausência do prefeito, segundo pelo encaminhamento e aprovação pela formação de uma comissão para tratar da situação que na realidade se tornou mesmo foi em mais uma enrolação;
  • Temos a informação de que alguns outros municípios vem buscando o entendimento entre governo e a classe no sentido de repassar o recurso aos professores em forma de abono, prática ainda não pretendida até agora por parte da administração local;
  • Duas paralisações já foram realizadas no sentido de cobrar e denunciar todas estas situações não havendo nenhum posicionamento até o momento por parte do executivo…
Diante de tudo isto, a categoria dos professores irá se reunir no próximo dia 17 deste para apreciar e deliberar o indicativo de paralisação por tempo determinado ou indeterminado.
Codó (MA), 09 de maio de 2018.
Fonte: blog do acelio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário